Agora é a hora tomar medidas urgentes a respeito do clima


Com os eventos climáticos extremos dos últimos meses afetando todas as regiões do mundo, juntamente com os alertas preocupantes do último relatório do IPCC, uma questão fica mais clara do que nunca: agora é a hora para governos, investidores e doadores tomarem medidas urgentes a respeito  do clima. Antes das negociações climáticas promovidas pela ONU, em quatro dias, pedimos a esses atores que se desinvistam em combustíveis fósseis, defendam ecossistemas críticos e apoiem soluções climáticas inclusivas e sustentáveis que beneficiem a todos/as – especialmente as mulheres e suas comunidades.

Este apelo crítico à ação orienta o novo programa de cinco anos, “Mulheres liderando a ação climática”, após cinco anos de construção de uma rede diversificada de mais de 20 fundos para mulheres e justiça ambiental e mais de 40 ONGs, por meio da qual apoiamos e acompanhamos mais de 400 organizações de base comunitária lideradas por mulheres em toda a África, Ásia e América Latina.

Onde as parceiras GAGGA trabalham.

Durante a primeira fase da Global Alliance for Green and Gender Action (GAGGA) de 2016-2020, atuamos no fornecimento de subsídios diretos e apoio não financeiro, promovendo o fortalecimento de capacidades; intercâmbios facilitados entre organizações pares; além de coordenarmos campanhas conjuntas de lobby e advocacy (defesa de direitos). A partir dessas atividades, estamos vendo como resultados positivos, as mulheres assumindo mais posições de liderança em suas comunidades, construindo solidariedade entre os movimentos e influenciando o meio ambiente, o clima e outras políticas relevantes.

O programa “Mulheres liderando a ação climática” baseia-se neste impulso e na sólida rede que construímos com um objetivo claro de abordar a crise climática urgente em que vivemos. Consideramos de suma importância continuar a fornecer os recursos e o acompanhamento necessários aos movimentos liderados por mulheres com raízes locais para avançar ainda mais em suas ações de mitigação e adaptação ao clima e impulsionar a mudança nos sistemas transformacionais tão urgentemente necessária.

Como uma parceira estratégica da Parceria Power of Voices do Ministério das Relações Exteriores da Holanda, a GAGGA trabalhará em prol da visão de sociedades ambientalmente sustentáveis e com igualdade de gênero nas quais as pessoas possam se desenvolver. De forma coletiva, abordaremos este trabalho de 2021-2025 por meio de três estratégias interconectadas de fortalecer, vincular e influenciar (veja o diagrama abaixo) que priorizam ações rápidas e urgentes para enfrentarmos a crise climática.

Você pode encontrar o diagrama maior aqui.

Outra novidade na rede GAGGA é a inclusão da 350.org e da Women’s Environment and Development Organization (WEDO), que se juntam à Prospera – International Network of Women’s Funds (Rede Internacional de Fundos para Mulheres) e ao Global Greengrants Fund (Fundo Global Greengrants) como nossos/as novos/as aliados/as estratégicos/as. Com longa experiência atuando pelos direitos das mulheres, pelo clima e por justiça ambiental, os/as aliados/as estratégicos/as da GAGGA apoiam nossa rede para coletivamente envolvermos doadores e nos conectarmos a movimentos climáticos globais e fóruns de políticas internacionais.

Neste boletim informativo, apresentamos nossos/as novos/as aliados/as estratégicos/as e também destacamos o trabalho de organizações comunitárias da rede GAGGA que estão passando por situações climáticas extremas, até então  consideradas raras ou sem precedentes. Além disso, essas organizações comunitárias atuam contra os combustíveis fósseis, vinculando os direitos das mulheres à justiça climática, atuando colaborativamente de nível local a global em soluções climáticas adequadas para todas as mulheres. Esperamos que essas histórias mostrem que, quando trabalhamos juntas, podemos impulsionar a mudança transformacional necessária para chegarmos a um futuro mais inclusivo, sustentável e justo em relação a gênero.

Para saber mais sobre este novo programa, verifique nossa ficha técnica aqui.

 


Related Post

გლობალური სამხრეთის ფემინისტები COP გადაწყვეტილების მიმღებებს: რადიკალური ცვლილება კლიმატის სამართლიანობისთვის

“კლიმატის სამართლიანობა გულისხმობს… ერთი მხრივ მუშაობის დაწყებას კლიმატის კრიზისის გამომწვევ ისეთ ძირეულ მიზეზებზე, როგორიცაა არამდგრადი წარმოება, მოხმარება და ვაჭრობა და…

See more

Ang Panawagan ng mga Peminista mula sa Global South sa mga nagdedesisyon sa COP: Radikal na pagbabago para sa hustisyang pangklima

“Ang hustisyang pangklima ay nangangahulugan na…paglaban sa pinag-ugatan ng krisis pangklima – kasama ang hindi sustenableng produksyon, konsumpsyon, at pakikipagkalakalan…

See more

Feministas do Sul Global para os tomadores de decisão da COP: Mudança radical por justiça climática

“Justiça climática significa … combater as causas profundas da crise climática – incluindo produção, consumo e comércio insustentáveis – e,…

See more

Subscribe to our newsletter

Sign up and keep up to date with our network's collective fight for a gender and environmentally just world.